Brasileiros transformam caixas e naylon de guarda-chuva em sacos de dormir – Blog da Costura

[ad_1]

Se você quer Ganhar Dinheiro com Costura, clique aqui e veja a história da Solange Pereira!

“Abraços de Dormir” é um projeto que começou em 2001 em Belo Horizonte, com a ideia de ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social, ao mesmo tempo em que cuida do meio ambiente. A jornalista e professora Tatiana Gianordoli é a responsável por essa iniciativa.

Ela teve a ideia de reciclar materiais como o naylon de guarda-chuvas e as caixas de leite para produzir sacos de dormir, que são distribuídos para pessoas que vivem nas ruas. Além disso, Tatiana arca com os custos da produção dos sacos de dormir e conta com a ajuda de parceiros para distribuí-los.

O projeto é feito com doações, e nada é desperdiçado. Até as tampinhas das caixinhas usadas são doadas para iniciativas que atuam na área de castração de animais. As ferragens dos guarda-chuvas vão para ferros-velhos, mostrando que todo material pode ser reutilizado de alguma forma.

Tatiana se dedica ao projeto por um propósito de alma, como ela mesma diz. Ela não aceita dinheiro, apenas doações, e acredita que está ali para evoluir espiritualmente. Além disso, a jornalista também se preocupa com o meio ambiente, afirmando que menos lixo no mundo significa melhora climática e de saúde.

Ela também ressalta a importância dos catadores, que são fundamentais para que toda a ação aconteça. São eles que procuram objetos recicláveis pelas ruas, dando vida ao projeto da professora Tatiana e alcançando tantas pessoas.

O projeto “Abraços de Dormir” mostra como é possível cuidar das pessoas e do meio ambiente ao mesmo tempo, tornando-se um exemplo de bem coletivo para a sociedade.

Reciclar pode parecer um gesto simples, mas tem um grande impacto ambiental. E é por meio de iniciativas como essa, que utilizam materiais recicláveis para fazer algo bom para a sociedade, que podemos contribuir para um mundo melhor.

Se você gostou dessa história inspiradora, compartilhe com seus amigos e familiares. Juntos, podemos fazer a diferença e inspirar mais ações positivas como essa. E lembre-se, cuidar do meio ambiente e das pessoas em vulnerabilidade social é responsabilidade de todos nós. Vamos fazer a nossa parte!

[ad_2]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *