Artesãos de Alagoas levam emoção a desfile do São Paulo Fashion Week – Blog da Costura

[ad_1]

Se você quer Ganhar Dinheiro com Costura, clique aqui e veja a história da Solange Pereira!

Artesãos de Alagoas emocionam em desfile do São Paulo Fashion Week

Os artesãos de Alagoas protagonizaram um momento muito emocionante durante o desfile da Coleção Alambique Fantasia, da marca FOZ, assinada pelo designer alagoano Antonio Castro, no São Paulo Fashion Week. O grupo de artesãos, colaboradores da marca na produção das peças, foi convidado pelo Sebrae Alagoas a participar do evento e se emocionou ao ver suas criações desfilando na passarela.

O grupo de artesãos é formado por Eduardo Faustino, Sandra Cartaxo, Petrúcia Lopes, Leide Santana e Luciana Almeida, que vibraram a cada entrada de um look na passarela, pois as peças remetiam ao trabalho deles com linha, tecido, palha, barro e madeira. A capelense Luciana Almeida, líder das bordadeiras do grupo Mimos de Dona Peró, se emocionou e afirmou que não conseguia colocar em palavras a emoção que sentia ao ver suas criações sendo exibidas no desfile.

Leide Santana, artesã do Pontal de Coruripe, também se emocionou ao ver chapéus e bolsas trançados em palha e fibra do ouricuri, que foram produzidos de forma sustentável. Ela destacou o desafio proposto pelo designer Antonio Castro, que sempre os desafia a fazer acessórios diferentes do que estão habituados a produzir.

Eduardo Faustino, que desenvolve gravuras que se transformam em estampas e peças de barro, também se sentiu muito animado ao ver suas contribuições no desfile. Sandra Cartaxo, que trabalha com costura em tecidos, se surpreendeu com as possibilidades apresentadas pelo designer. E Petrúcia Lopes, representando o Inbordal, se sentiu muito feliz ao ver suas tramas e cores do Filé Alagoano nas peças de Antonio Castro.

O designer Antonio Castro ressaltou a importância do artesanato para o seu trabalho e comemorou a presença dos representantes da arte popular alagoana no desfile. Ele vive pesquisando e valorizando o artesanato local em suas coleções.

Marina Gatto, gestora de Artesanato do Sebrae, destacou a missão da instituição em abrir novos horizontes para a arte popular em suas mais variadas expressões. Ela ressaltou que o artesanato pode estar presente na moda, na decoração, nas exposições de arte contemporânea, além de participar em grandes eventos no Brasil e no mundo.

Segundo Marina, não existem fronteiras para a arte popular, principalmente o artesanato alagoano. Ela acredita que os artesãos podem chegar onde quiserem, pois são reconhecidos pelo talento, originalidade e compromisso com a arte e a cultura alagoana.

Portanto, o desfile da Coleção Alambique Fantasia, da FOZ, no São Paulo Fashion Week, foi uma oportunidade de mostrar ao mundo o talento e a dedicação dos artesãos de Alagoas, que contribuíram para o sucesso do evento com suas belas criações artesanais.

Espero que tenha gostado do resumo! Posso te ajudar em mais alguma coisa?

[ad_2]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *